Warehouse (WMS): o que é


e como funciona esse sistema na logística.

O sistema warehouse é uma solução pensada para gerir e otimizar os processos logísticos das empresas, que atualmente sofrem com jornadas cada vez mais complexas em seus volumes de operações. Elas são resultado do comportamento cada vez mais digital dos consumidores e da urgência das demandas.
Adotar esse sistema nos processos diários traz ganhos para os negócios e para o planejamento logístico. Nesse post falaremos mais sobre o que é o sistema warehouse, suas vantagens e desvantagens e como ele funciona na logística.

O que é warehouse
 

O Warehouse Management System – também conhecido pela sigla WMS ou por sua tradução, sistema de gerenciamento de armazém -, é um sistema de software que automatiza e contribui com as operações diárias nos armazéns. Seu uso torna os processos de estocagem e expedição mais estratégicos e eficientes, gerando insights para o controle, mensuração e planejamento da área.
Cada vez mais importante para o setor, o WMS ajuda as empresas a gerir os inúmeros processos dentro do supply chain. Entre suas principais funções estão:

  • Contribuir com a eficiência dos processos de picking e cross docking.
  • Controlar as movimentações dentro do estoque: do recebimento à expedição.
  • Melhorar o espaço e layout de armazenagem dos produtos.
  • Reduzir custos de armazenagem e mão de obra.
  • Reduzir tempo de espera.

Como funciona o sistema WMS e quais suas principais funções 

 

O sistema warehouse se integra aos outros recursos usados na rotina do estoque para potencializar as informações levantadas e prever falhas na operação.
Ao usar tecnologias como os códigos de barras e as etiquetas, o sistema registra a entrada e a saída de mercadorias, atualiza o inventário (com informações como prazo de validade, número de lote e dados sobre o produto) e entende como o espaço do estoque está sendo usado para otimizar o seu layout.

Como o sistema warehouse atua nos processos logísticos
 

O WMS é capaz de gerenciar todo o processo logístico que acontece dentro do estoque de uma organização. A implementação de sua tecnologia impacta da seguinte forma nas operações: